Influência: Importância de uma ação pautada em reputação

por | abr 28, 2020 | Sem categoria

O mundo dos influenciadores é um mundo à parte, alguns podem dizer. A tendência que começou a ser profissionalizada entre 2015 e 2016, se tornou o ganha pão de influenciadores e criou uma gama de novas profissões.

Passaram por um período onde eram desacreditados, quando as pessoas ainda insistiam em negar a importância das redes sociais para uma marca e para o seu público alvo. Hoje, é inegável que estratégias de divulgação que envolvem influenciadores são completamente efetivas quando bem planejadas e executadas.

NUNCA VI, EU SÓ OUÇO FALAR…

O nome ganhou mais fama nos últimos anos, mas a prática é recorrente desde que mundo é mundo, nas mais diversas áreas, passando pela política e pela comunicação.

Em termos gerais, marketing de influência, por definição, é a abordagem que consiste em praticar ações focadas em pessoas que exerçam influência ou liderança sobre o público alvo de uma marca ou serviço.

No mundo digital, esse costume toma robustez com as ferramentas que as redes sociais possuem. Graças à possibilidade de acompanhar métricas, entendem o comportamento dos usuários, existem uma série de recursos que podem ser utilizados para uma boa ação de marketing de influência. Essas ações podem envolver trocas financeiras ou não.

Como exemplo, podemos dar o SEEDING, que é o envio de um produto para que um influenciador possa conhecê-lo. Por outro lado, podemos fazer uma parceria comercial com um influenciador através da venda de ingressos pelo recurso do arraste aqui em sua rede social, com cupons, para acompanhar o retorno da ação.

TAMANHO NÃO É DOCUMENTO

Porém, nós aqui da Rebento levamos algo muito importante em consideração na hora de traçar uma ação de marketing de influência. É o peso da reputação de um influenciador para o objetivo da divulgação daquela marca em questão.

Em certos casos, o boca a boca que um influenciador pode promover nos bastidores vai atrair mais resultados diretos para o produto/serviço. Como um formador de opinião, ele pode estar próximo à pessoas que têm o poder de tomada de decisão de compra da marca.

É claro que cada estratégia deve ser pensada caso a caso, de acordo com o contexto atual da marca – que pode fazer muita diferença para os desdobramentos da divulgação.

NÚMERO NÃO QUER DIZER TUDO!

É claro que números redondos e na casa dos milhões enchem os olhos de quem vê! Quem não quer ter a marca exposta por uma super celebridade?

Esse pensamento não é de todo errado. No entanto, dados das próprias plataformas do Instagram e do Facebook, mas isso é assunto para um outro post, sobre micro e nanoinfluenciadores! (podemos deixar em aberto e, quando escrevermos sobre, atualizamos com um hyperlink!)